Placa de Alerta de Radar não é mais obrigatória

Fonte: Portal G1

"Vias urbanas e rodovias não são mais obrigadas a ter placas de alerta para a existência de radares fixos e móveis. Uma nova resolução do Conselho Nacional de Trânsito (Contran), já em vigor desde quinta-feira (22), derruba a exigência existente desde 2006. 

No entanto, os equipamentos de fiscalização não podem ficar escondidos. A norma do Contran mudou ainda a exigência de estudo prévio para radares móveis em rodovias. Agora, qualquer ponto pode ser fiscalizado. 

Além disso, tais aparelhos podem ser instalados mesmo em trechos de rodovias sem sinalização da velocidade máxima permitida. O argumento da mudança é a redução do número de acidentes, já que muitos motoristas aproveitavam o aviso dos radares para ultrapassar a velocidade máxima permitida em pontos não cobertos pelo equipamento".

Comentário do Blog:
A Resolução 396/2011 do Contran revogou a famigerada Resolução 214, que praticamente inviabilizava a fiscalização de velocidade dos veículos. Exigia-se a placa de alerta para a existência dos radares fixos e móveis e não meramente a placa de velocidade.

A exigência era absurda. Seria o mesmo que exigir do governo que indique ao "bandido" quais ruas são patrulhadas pela polícia (grosso modo). Só podia ser brincadeira!!!

A própria placa de velocidade sinaliza a velocidade máxima em uma via. É uma norma e deve ser respeitada. 

Exigir uma placa adicional alertando o motorista de que há fiscalização por radar é desvalorizar as próprias placas de velocidade. É torná-las uma mera indicação e não uma norma que deve ser cumprida. 

O motorista simplesmente reduz a velocidade na região onde há indicativo de radar e "senta o pé" nas regiões onde não há.

A propósito, em vários bairros residenciais nas cidades, é comum encontrarmos a placa de velocidade máxima é de 30 km/h, mas quase nunca é respeitada, o que é um perigo para os pedestres e ciclistas que moram e trafegam nesta região.

Links Sugeridos:
http://www.denatran.gov.br/download/Resolucoes/RESOLUCAO_CONTRAN_396_11.pdf
Copyright © Blog dos Infratores. Designed by OddThemes & SEO Wordpress Themes 2018